Salmo Borderline (III)


"Senhor, não me castigues na tua ira nem me disciplines no teu furor.
Misericórdia, Senhor, pois vou desfalecendo! Cura-me, Senhor, pois os meus ossos tremem:
Todo o meu ser estremece. Até quando, Senhor, até quando?
Volta-te, Senhor, e livra-me; salva-me por causa do teu amor leal.
Quem morreu não se lembra de ti. Entre os mortos, quem te louvará?
Estou exausto de tanto gemer. De tanto chorar inundo de noite a minha cama; de lágrimas encharco o meu leito.
Os meus olhos se consomem de tristeza; fraquejam por causa de todos os meus adversários.
Afastem-se de mim todos vocês que praticam o mal, porque o Senhor ouviu o meu choro.
O Senhor ouviu a minha súplica; o Senhor aceitou a minha oração.
Serão humilhados e aterrorizados todos os meus inimigos; frustrados, recuarão de repente".

Salmos 6:1-10 (NVI)

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...