Esperança? - 2ª Edição



Mesmo que não veja nenhum motivo aparente,
Eu vou crer na esperança.
Mesmo que a razão pareça loucura,
Eu vou crer na esperança.
Mesmo que a loucura seja a razão para tudo,
Eu vou crer na esperança.
Mesmo que a noite tenha sido escura e fria,
Eu vou crer na esperança.
Mesmo que o sono não tenha vindo.
Eu vou crer na esperança.
Mesmo que os sonhos tenham sido pesadelos,
Eu vou crer na esperança.
Mesmo que os pesadelos sejam constantes.
Eu vou crer na esperança.
Mesmo que levantar da cama seja difícil.
Eu vou crer na esperança.
Mesmo que sair do quarto seja amedrontador.
Eu vou crer na esperança.
Mesmo que todos estejam longe,
Eu vou crer na esperança.
Mesmo que planejar o futuro seja impossível,
Eu vou crer na esperança.
Mesmo que o futuro se resuma ao próximo minuto,
Eu vou crer na esperança.
Ainda que não queira viver,
Eu vou crer na esperança.
Ainda que só deseje a morte,
Eu vou crer na esperança.
Ainda que mude de opinião de minuto em minuto.
Eu vou crer na esperança.
Ainda que não saiba no que crer daqui a um minuto,
Eu vou crer na esperança.
Pelo menos neste instante,
Eu vou crer na esperança.
Ainda que tenha que crer contra a esperança,
Eu vou crer na esperança.
Eu insisto em crer na esperança.
Ela fará renascer o amor,
Ela fará renascer a fé.
Ela trará em suas asas a certeza,
Certeza que Abba, ainda cuida de mim!
Eu ainda creio na esperança!

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...